Receita: Salsicha vegetal caseira (vegana)

Faz tempo que eu queria fazer minha própria salsicha (ou vina, para os curitibanos) vegetariana, pois as as salsichas vegetais comerciais deixam muito a desejar em sabor, textura etc. Além de serem caras.

Pois bem. Comecei a procurar uma fôrma, máquina ou sei-lá-o-quê que pudesse me ajudar a moldar salsichas vegetais. Encontrei uma pra  microondas, feita somente para cozinhar salsichas já prontas. A ideia era improvisar. Bolei uma receita simples, saudável e nutritiva e deu certo.

Fôrma que usei:  Foi comprada aqui.

Vamos à receita!!   Ingredientes:

  • 1 xícara de grão de bico (deixados de molho por 24 horas, ou cozidos por 1 hora)
  • 3 colheres de sopa de quinua (ou linhaça ou …)
  • 3 dentes de alho
  • 1 xícara de água
  • 2 colheres de sopa de óleo vegetal ou azeite de oliva
  • 2 colheres de chá de vinagre de arroz
  • 3 colheres de sopa rasas de farinha de glúten
  • 3 colheres de sopa de corante de urucum
  • Sal, cominho, pimentas em grão moídas e gengibre em pó a gosto.

Ponha todos os ingredientes, com exceção da farinha de glúten em um processador (ou liquidificador) e misture até ficar uma massa homogênea. A consistência deve ser bem pastosa. Nesse momento, é indicado que se prove o tempero pra checar a necessidade de correção.

Em seguida, adicione a farinha de glúten e bata até que a massa fique homogênea novamente. Detalhe: a consistência deve ser bem resistente e deve dar um pouco de trabalho pra bater.

Com esta massa pronta, basta preencher aos poucos a fôrma de salsicha (de cabeça pra baixo). A parte de cima da salsicha (que não fica em contato com a fôrma) pode ser modelada facilmente com as costas de uma colher).

Finalmente, basta colocar a fôrma preenchida por 2 minutos no forno de microondas (potência máxima) e, em seguida, esperar 10 minutos pra que o calor e o vapor terminem de “cozinhar” as salsichas.

Repita as últimas duas operações até acabar toda a massa (essa receita deve dar em torno de 10 unidades), ponha todas as salsichas para cozinhar  em  molho de tomate bem grosso (fogo baixo) por 5 minutos. (Também é possível armazenar as salsichas em um pote cheio de molho e só cozinhá-las imediatamente antes de comer.)

Salsichas prontas (antes de cozinhar no molho de tomate)

Bom apetite!!!!

 

Essa salsicha aí de baixo eu não recomendo….



About these ads

40 Respostas para “Receita: Salsicha vegetal caseira (vegana)

  1. Agora TUDO faz sentido :)

  2. hehehehe
    Não sei se devo perguntar que ‘TUDO” é esse.

  3. Mais uma receita pro meu caderninho!

  4. Raquel de Fátima

    Se colocar feijão soja no lugar de grão de bico, será que dá certo?? Acho que vou fazer a experiência depois de experimentar a sua receita.

    • Olá, Raquel

      Deve funcionar sim. Com feijão carioquinha, amendoim etc. Só não pode deixar o grão ficar muito mole. O resultado deve ser semelhante, só que alguns grãos têm o gosto mais pronunciado.

      Vou ficar esperando notícias da sua experiência. Até mais!

  5. ivamaraIvamara

    Gostaria de uma receita de linguiça vegana. Alguém teria? Abçs

  6. Mto interessante…mas só dá pra comer com molho, não dá crua, ou só cozer ela sem molho?

    • Olá, Adriana!

      Certamente daria pra come-la de outras formas. Uma vez que ela é quase pré-cozida durante o preparo (na forma de microondas), seria fácil, depois, passar na frigideira, assar, comer “crua” etc. Mas fiz essa receita pensando no molho pra ajudar a temperar e dar gosto, não sei se “crua” ficaria tão boa, até porque o gosto do glúten ficaria mais evidente.

      Se você preparar e/ou usar a salsicha de outra forma, poderia dividir a experiência aqui conosco?

      Obrigado pela visita e pela pergunta.

      Até mais!!

      Eduardo

  7. Como será que funciona o preparo para quem não tem microondas? Será que dá para fazê-la toda no vapor?

    • Olá, Nanda. Desculpe a resposta tardia.

      Eu nunca tentei pra essa receita (só pra “linguças”, mais grossas), mas é possível que, pra por no vapor, possas envolver as salsichas em papel alumínio, enrolando as pontas como se fossem balas.

  8. guilherme borges

    será que eu poderia usar pts miúda ? talvez no lugar do grão de bico? faz sentido isso? obg

    • Olá! Pode até vir a funcionar, mas creio que ficaria uma receita diferente por, pelo menos, dois motivos:

      1 o grão de bico tem uma sabor or mais rico;

      2 com o grão de bico se obtém uma pasta… a textura com PTS certamente será outra.

      Se testares a receita com PTS, adoraria saber o que resultou.

      Abrigado por sua pergunta e até mais!!

  9. Será que pode fazer com soja?

    • Olá!

      Queres dizer o grão da soja no lugar do grão de bico? Creio que sim.
      Na verdade, seria possível fazer com vários outros feijões também…

      Se experimentares, que tal compartilhar o resultado conosco?

      Obrigado!!

  10. da pra fazer sem a farinha de gluten ?

    • Olá!!

      Sem a farinha glúten eu tentaria alguma outra farinha misturada com um pouco de batata cozida (bem escorrida) amassada pra tentar dar a liga, mas certamente a textura ficaria bem diferente e a salsicha mais quebradiça.

      Obrigado pela pergunta!!

  11. Sônia Conceição de Souza Valverde

    Posso fazer no forno comum??? E posso enrolar da minha maneira, com as mãos, sem colocar na forma própria???

  12. Eduardo, VC É UM GÊNIO!!!
    Nunca vi alguém usar o microondas pra cozinhar glúten, nem no Brasil nem nas receitas de fora.
    Glúten é tão bacana, mas é um saco de fazer!
    E desse jeito que vc fez ficou maravilhosamente fácil!
    Vc facilitou muito minha vida! Obrigada!!!

  13. “Sou péssima na cozinha então gostaria de entender melhor a receita… devo deixar o grão de bico na água por 24h e logo depois colocá-lo no processador? Não há necessidade de cozinhá-lo na panela de pressão para que fique mole? E a quinoa também é “crua

  14. Onde eu encontro a farinha de glúten?

    • tassia arouche

      Em Curitiba? Tem no mercado municipal ou na Pop House, ali perto, na Mariano Torres. Na verdade, é fácil encontrar em lojas que vendem cereais, grãos e farinhas.

  15. Oi Eduardo,
    Também dá certo colocando a massa (com ajuda de um funil) em saquinhos plásticos daqueles de gelinho e levando ao cozimento em água quente (microondas ou fogão)

  16. Lorena Ghagas Lemos Pinho

    Andei pesquisando e vi que uma pessoa enrolou a massa em plástico filme individualmente, colocou por 2 horas no congelador, depois desenrolou e cozinhou na água mesmo! Vou tentar fazer assim!

  17. a quinoa é crua ou cozida?

  18. Franchesca Dagostin

    Sabes me dizer se tem como congelar elas?

  19. Eduardo, o corante não é realmente necessário,é? Ele acrescenta algum sabor ou é só estético mesmo? Vou procurar esses ingredientes pra testar =]

    • tassia arouche

      Oi, Denise
      Desculpe-nos a demora na resposta.
      O corante é só estético, então, se você não se importar com a cor, não precisa usá-lo.
      Obrigada pela visita e pela pergunta :)

  20. Troquei a farinha de glúten por farinha de chia. E ficou muito bom. Obrigado pela receita.

    • Que bom! Também tenho trocado a farinha de gluten por outras farinhas ou combinações ultimamente. Não fica com a mesma textura, mas em geral é mais saudável e mais gostoso. Uso muito a combinação de farinhas com um poquinho de batata cozida amassada pra dar a liga.

      Um abraço!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s